sábado, 15 de novembro de 2008

Ou isto ou aquilo

Ei!

Sabem uma coisa? Cecília Meireles tem razão: escolher é muito difícil!

E, já que nosso assunto atual nas aulas de gramática é o pronome, vamos ler esse poema, que brinca-fala-sério, usando os pronomes demosntrativos "isto" e "aquilo":

Ou isto ou aquilo

Ou se tem chuva e não se tem sol,
ou se tom sol e não se tem chuva!

Ou se calça a luva e não se põe o anel,
ou se põe o anel e não se calça a luva!

Quem sobre nos ares não fica no chão,
quem fica no chão não sobe nos ares.

É uma grande pena que não se possa
estar ao mesmo tempo nos dois lugares!

Ou guardo o dinheiro e não compro o doce,
ou compro o doce e gasto o dinheiro.

Ou isto ou aquilo: ou isto ou aquilo...
e vivo escolhendo o dia inteiro!

Não sei se brinco, não sei se estudo,
se saio correndo ou fico tranqüilo.

Mas não consegui entender ainda
qual é melhor: se é isto ou aquilo.

Só podemos lembrar as palavras da própria Cecília: "Não sei se fico ou passo./ Sei canto e a canção é tudo".

A poesia é mesmo a escolha certa.

Abraços,

Guilherme & Ivanilda

2 comentários:

Luuh disse...

A poesia é mesmo a escolha certa =)

Flávia disse...

Muito bom este poema Lentz!
mas agente tem que tomar cuidado, e fazer a escolha certa =)

Gabriela, 6ºA